[pt]   Login

12 anos ao seu serviço (2005-2017)

Necessidades em vibração e/ou ruído?
Contacte-nos.
Temos uma resposta para si.

Notícias/Destaques

Porto suspende Taxa de Rudo aplicada a gays

2012-04-09 - A Cmara Municipal do Porto suspendeu, esta tera-feira, a Taxa de Rudo aplicada Marcha do Orgulho Gay e as multas aplicadas em anos anteriores, que o JN revelou, comprometendo-se a analisar o motivo dos servios terem classificado o evento como um espetculo e no como uma manifestao.

A deciso tomada esta tera-feira tarde, por unanimidade, surgiu aps uma proposta de recomendao do vereador comunista na Cmara do Porto, Pedro Carvalho, para que no fossem cobradas quer as taxas da edio de 2012 da Marcha do Orgulho LGBT do Porto (MOP), como as anteriores, j em atraso.

"Ficou decidido que se vai verificar se a lei foi ou no cumprida e, se houver erros nessa aplicao da lei, haver retificao", descreveu Pedro Carvalho aos jornalistas.

Ao JN, Paula Antunes, da organizao da MOP, garantiu que "no esperava outra deciso", tendo em conta que "em causa est uma marcha pelos direitos humanos, pela diversidade e pela igualdade".

"Espero que os servios municipais percebam o erro que cometeram. E deixo aqui um convite: que algum da Cmara do Porto se faa representar na nossa marcha. Ser recebido de braos abertos e mostrar que a autarquia nunca esteve, no est e, espero, que nunca venha a estar, contra todos os que lutam contra a discriminao", disse.

J Belmiro Pimentel, do grupo IXY, que nos ltimos dois anos contactou o municpio para perceber quais os motivos que levavam aplicao de tais taxas e coimas, mostrou-se um pouco surpreendido. "Estou satisfeito com a deciso, apenas estranho que tenhamos contactado a Cmara e, at hoje, nunca recebemos uma resposta s nossas pretenses", reagiu.


Guardado em: Curiosidades