[pt]   Login

12 anos ao seu serviço (2005-2017)

Necessidades em vibração e/ou ruído?
Contacte-nos.
Temos uma resposta para si.

Notícias/Destaques

Estudo sobre o 11 de Setembro revela que rudo de navios stressa as baleias

2012-02-20 - O som contnuo dos motores de linhas comerciais de navegao no s altera o comportamento das baleias, mas tambm pode afetar os mamferos gigantes fisicamente, causando stresse crnico, revelou um estudo indito publicado nesta quarta-feira.

Segundo os cientistas, a descoberta foi possvel por um evento que, primeira vista, no aparenta ter qualquer relao com a vida dos cetceos: os ataques s torres-gmeas do World Trade Center, em Nova York, em 11 de setembro de 2001.

Somente uma catstrofe desta magnitude, explicaram os especialistas, poderia ter provocado uma queda to repentina do trfego martimo, possibilitando medir o impacto de diferentes nveis de poluio sonora no mar.

Ao longo dos ltimos 50 anos, o rudo provocado por navios cargueiros e militares, juntamente com sonares de alto decibel usados na explorao de petrleo, aumentou gradativamente em intensidade e alcance.

As baleias que comunicam nas mesmas ondas de baixa frequncia emitidas por estas embarcaes, na faixa de 20 a 200 hertz (Hz), algumas espcies adaptaram-se para emitir sinais acsticos mais altos e frequentes.

Semanas antes dos ataques de 11 de setembro, os cientistas chefiados por Rosalind Rolland, do Aqurio da Nova Inglaterra, fizeram um estudo sobre as baleias franca do Atlntico Norte que se renem no fim do vero na Baa de Fundy, no Canad, para se alimentar e cuidar dos filhotes.

A partir de julho de 2001, os cientistas usaram ces treinados para encontrar matria fecal das baleias flutuando na superfcie da gua. A cada ano, eles coletaram amostras ao longo de um perodo de seis semanas at 2005.

O coc de baleia contm elementos qumicos relacionados a hormnios, denominados glucocorticides, liberados em condies de nveis altos de stresse que podem mudar de um dia para o outro ou at mesmo em questo de horas.

Os glucorticides so secretados em situaes de crise: agresso de um predador ou competidor, fome, sede. A curto prazo, esta liberao de hormnios ajuda os animais ao fornecer uma reserva de energia.

Mas no longo prazo, picos constantes do hormnio se tornam um mal, retardando o crescimento, enfraquecendo o sistema imunolgico e comprometendo a capacidade reprodutiva.

Quando os cientistas notaram uma diminuio a queda nos nveis de rudo subaqutico, perceberam que esta seria uma oportunidade para investigar se a poluio sonora era causa de stresse para as baleias franca.

Eles descobriram que as mudanas na concentrao do hormnio combinavam perfeitamente com a queda sbita e a retomada gradual do trfego martimo na regio.

"No havia, no nosso conhecimento, outros fatores afetando a populao que pudessem explicar esta diferena, alm da queda no trfego martimo", concluiu o estudo, publicado no jornal Proceedings of the Royal Society B.

Estudos com animais terrestres demonstraram que este tipo de stresse crnico pode ser causado pelo rudo de carros de neve, turistas e trfego em rodovias.

Por viverem, alimentarem e procriarem to perto da costa, as baleias franca, espcie considerada em risco crtico de extino, j so ameaadas por colises com embarcaes e pela pesca de arrasto, duas causas principais de morte entre estes grandes cetceos.

"A poluio sonora de fontes antropognicas representa uma perturbao menos visvel, mas abrangente para estas baleias costeiras, que pode ter consequncias negativas para a viabilidade da populao", concluiu o estudo.


Mais informação em: http://tecnologia.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2012/02/08/estudo-sobre-o-1109-revela-que-ruido-de-navios-estressa-as-baleias.jhtm

Guardado em: Ambiente

Guardado em: Investigao

Guardado em: Curiosidades